às 18:50:59 em Notícias / Notícias

Comunicado - Recesso acadêmico: 11/05 a 24/05

Estamos enfrentando uma crise de saúde em escala global e as autoridades brasileiras e mundiais nos convocam ao isolamento social, como ato de humanidade diante da disseminação do Coronavírus (Covid-19). A Faculdade Católica Dom Orione, desde o início desta crise, vem conclamando toda a comunidade acadêmica a se unir para vencermos esse inimigo real mundial que é o vírus, através da cultura da fraternidade, compreensão e solidariedade, que são valores que pautam todas as nossas ações.

 

Esse novo desafio impõe a necessidade de nos reinventarmos todos os dias, propor soluções, oferecer apoio aos mais vulneráveis e, acima de tudo, exige colaboração de toda a comunidade acadêmica, bem como da sociedade de um modo geral.

 

No tocante ao setor da educação, decisões do Ministério da Educação e outros órgãos governamentais foram implementadas, alterando diretamente o processo de ensino e aprendizagem nas instituições de ensino.

 

A sistemática de aulas presencias foi impossibilitada devido aos decretos governamentais. Assim, desde 16 de março, a Faculdade Católica Dom Orione, atendendo as recomendações do Ministério da Educação e ciente de sua responsabilidade, buscou meios de continuar o processo de ensino e aprendizagem de seus acadêmicos com salas virtuais, postagens de roteiros de estudos, vídeos e outras atividades com o intuito de manter nossa comunidade acadêmica em continuo envolvimento com o processo de ensino e aprendizagem.

 

No entanto, tendo em vista que já se passaram aproximadamente dois meses de alinhamento com as ações de prevenção para evitar o contágio pela Covid-19, ainda nos encontramos em curva crescente dos casos de contágio em nossa cidade, e considerando os processos de desgaste físico, mental e emocional dos nossos gestores, professores e alunos, diante da mudança repentina de todas as suas rotinas profissionais, pessoais e de ensino, e após diálogo com toda comunidade acadêmica, entendemos ser pertinente neste momento uma parada das atividades pedagógicas.

 

Sendo assim, no período de 11 a 24 de maio, a Faculdade Católica Dom Orione entrará em recesso acadêmico. Período em que nossos alunos e professores poderão estar em família, liberados das atividades pedagógicas direcionadas, retornando às atividades acadêmicas no dia 25 de maio (segunda-feira).

 

Destacamos, que o recesso não trará nenhum prejuízo acadêmico aos alunos, e que estes dias de recesso serão repostos, pois o calendário acadêmico da Faculdade Católica Dom Orione foi ajustado de maneira a cumprir os dias letivos e a carga-horária prevista, e será apresentado no retorno das atividades.

 

Durante este período de recesso, vamos trabalhar com os alunos que tiveram maior dificuldade de acesso às atividades pedagógicas direcionadas, no intuito de disponibilizar nova oportunidade para a realização de atividades avaliativas perdidas ao longo do período de aulas remotas e também para aprimorarmos junto aos professores nossas ferramentas tecnológicas, didáticas e pedagógicas afim de elevarmos o nível de excelência na prestação de nosso serviço educacional.

 

Quanto às atividades avaliativas, especificamente com relação à N2, tendo em vista a situação de excepcionalidade do regime instituído, a Faculdade Católica Dom Orione flexibilizará o período de sua aplicação, tanto antes do recesso, quanto depois. Em caso de eventual dificuldade, o aluno deverá procurar auxílio junto à Coordenação do Curso.

 

***

 

Quanto aos aspectos financeiros, destacamos que os contratos de prestação de serviços educacionais estão sendo cumpridos, embora de forma distinta da qual foi adotada originalmente, mas em razão de uma situação de excepcionalidade sanitária.

 

As medidas adotadas frente a pandemia têm como intuito evitar que o semestre letivo atual não fique se postergando pelos semestres letivos subsequentes, o que levou a maioria das instituições de ensino superior a escolher a substituição do método de ensino.

 

Ao contrário do que alguns defendem com equivocada veemência, essa mudança do método de ensino, não trouxe como regra geral, redução de custos para a Faculdade Católica Dom Orione, na verdade, a instituição teve um custo adicional não previsto para 2020, pois não trabalhávamos com esse método (remoto) de ensino, e tivemos que nos adequar, investindo no módulo online da Plataforma SEI, na aquisição de novos aplicativos de suporte, na capacitação de docentes, na produção e gravação de aulas remotas, entre outros. Na realidade houve um incremento de custos pois tivemos que adotar em caráter de urgência, soluções tecnológicas de que não dispúnhamos, e isso a um alto custo.

 

Com relação a redução dos valores das mensalidades, a instituição tem acompanhado toda as discussões realizadas no âmbito da educação superior e temos o entendimento de que não há base legal que ampare tal propositiva, como podemos atestar, através da Nota Técnica nº 14 da Secretaria Nacional do Consumidor - SENACON, que elaborou um estudo técnico para tratar dos efeitos jurídicos nas relações de consumo, especialmente aos direitos dos consumidores que contrataram serviços com instituições de ensino mas tiveram as aulas suspensas em razão do novo coronavírus (Covid-19).

 

Fizemos diversos estudos de ordem jurídica e econômico financeira, com o objetivo de identificar possibilidades de flexibilização por parte do aluno, no cumprimento do contrato de prestações de serviços educacionais, mas os resultados destes estudos indicam para uma situação crítica, sendo:

a) Inadimplência:

  • mês de fevereiro de 2020: 18,95%
  • mês de março de 2020: 26,60%
  • mês de abril de 2020: 39,55%

b) Participação da Folha de Pagamentos sobre o faturamento: a Folha de Pagamentos dos profissionais que trabalham na Faculdade Católica Dom Orione é a sua maior despesa e hoje representa em média 77% do faturamento.

 

Diante deste cenário, em que no mês de abril a inadimplência foi 39,55% e a participação da Folha de Pagamentos representou 83,16% do faturamento, uma eventual diminuição no valor das parcelas mensais acarretaria consequentemente em demissão de colaboradores e professores, situação esta, que a Católica Orione vem adotando todos os esforços para evitar.

 

Mesmo diante deste cenário de fragilidade financeira, a Faculdade Católica Dom Orione, ciente da conjuntura econômica que aflige os nossos alunos, tem buscado mecanismos que possibilitem facilitar o pagamento das parcelas mensais, tais como:

  • A política dos descontos de antecipação / pontualidade com os prazos estendidos, será adotada também para os meses de maio e junho de 2020;
  • As mensalidades dos meses de abril, maio e junho de 2020 poderão ser pagas em até 3 vezes através do cartão de crédito;
  • Com relação às parcelas dos meses de abril, maio e junho de 2020, que eventualmente não sejam pagas pelos alunos até à data do vencimento, foi definido pela direção, que essas parcelas não sofrerão acréscimos de juros, multas e despesas administrativas decorrentes das ações de cobrança da empresa terceirizada, desde que pagas até o dia 20 de setembro de 2020.

 

É importante resistirmos ao pessimismo e insegurança, mantendo o equilíbrio para que seja possível encontrar a solução de cada problema. Assim, quando tudo isso passar, sairemos mais fortes e certos de que evoluímos quanto indivíduos e sociedade.

 

Destaco ainda, que a Diretoria e as Coordenações de Cursos têm realizado constantes reuniões com os Representantes de Alunos, o que vem resultando em diálogos positivos, que ajudam a subsidiar a tomada de decisões por parte da IES. Por outro lado, reitero que estamos sempre abertos ao diálogo com nossos acadêmicos, sobretudo com aqueles que apresentam reais dificuldades mediante ao cenário ditado pela pandemia, pois a Católica Orione é Feita de Pessoas.

 

A Católica Orione permanece atenta a todas as medidas legais em curso e às que venham a ser adotadas, e se coloca à disposição de nossos acadêmicos, para esclarecer dúvidas e encaminhar demandas, através dos nossos canais oficiais de comunicação, sendo;

 

Rogamos ao nosso patrono São Luís Orione proteção a toda comunidade acadêmica, seus familiares e amigos e agradecemos o espírito solidário e o empenho de nossos alunos, professores e colaboradores no enfrentamento desses dias difíceis, certos de que voltaremos mais unidos e fortes ao final desse momento tão delicado mundialmente.

 

Atenciosamente,

 

Pe. Edson de Oliveira da Silva

Diretor


Fonte: