Institucional

Estatuto

Regimento Interno


Corpo Administrativo

DIRETOR GERAL

Pe. Ademar José dos Santos

DIRETOR ACADÊMICO

Pe. Eduardo Caliman

GERENTE FINANCEIRO

Cleoneide Carneiro de Sá

SECRETÁRIA ACADÊMICA

Abigail Almeida Borba Rocha

BIBLIOTECÁRIO

Eduardo Ferreira da Silva

GERENTE DE TI

Sergio Maia

COORDENAÇÕES DE CURSOS

Administração e Gestão Financeira: Flávio Rafael Bonamigo
Direito: Daniel Cervantes
Gestão Hospitalar: Rogério dos Reis Brito
Psicologia: Lucas Delfino Araújo

GERENTE DE RH

Márcia Brito da Silva

SUPERVISOR DO NEIC

Fernando Pompemayer

HISTÓRICO

A história da Católica Orione começou bem antes do início de suas aulas. Em 1997 foi semeada, pelo então Diretor do Colégio Santa Cruz, Pe. Paulo Arcanjo Reis, a vontade de prosseguir os passos da missão educacional de Dom Orione, partindo para o ensino superior. Mas o projeto esbarrou em algumas dificuldades e acabou sendo engavetado por algum tempo.

Com a chegada do Pe. Francisco Alfenas à diretoria e com o apoio de vários religiosos, leigos e colaboradores do Colégio Santa Cruz, o projeto enfim saiu do papel. Daí para frente os passos foram sendo dados gradativamente. Em 4 de Setembro de 2001 o sonho começou a ganhar força através do decreto do Ministério da Educação – MEC – que aprovou a criação da Fundação Educacional Dom Orione, mantenedora da Católica Orione.

Seguindo os preceitos orionitas e o princípio de levar educação de qualidade, a Católica Orione, não iniciou nenhum de seus cursos antes de ter suas devidas autorizações pelo Ministério da Educação. Em 27 de Janeiro de 2005, foi publicada no Diário Oficial da União – DOU – a portaria que autorizava o funcionamento do curso de Administração. Cinco meses depois, enfim, aconteceu o primeiro processo seletivo que elegeu os estudantes que cresceriam junto com a instituição.

Em 25 de Novembro do mesmo ano, o MEC também autorizou o curso de Direito que iniciou suas atividades no início de 2006. Hoje, com as primeiras turmas do curso de administração já formadas, a Católica Orione conta ainda com quatro cursos de Pós-Graduação e diversos cursos de extensão.

NOSSA MISSÃO

NEGÓCIO: Formação do ser humano para a construção de uma sociedade justa e solidária

MISSÃO: Ofertar ensino de qualidade, fundamentado no carisma de São Luís Orione, no universalismo
científico e no respeito à diversidade cultural, contribuindo para o desenvolvimento da sociedade com ética
e vivência dos preceitos cristãos.

VISÃO: Ser a referência na formação acadêmica dos jovens no Norte do Brasil, na produção técnica,
científica e cultural com serviços modernos, responsabilidade social e vivenciando o carisma de São Luís
Orione.

ESTRUTURA FÍSICA

Tour 360º

Estrutura Organizacional

O Conselho Superior é o órgão máximo em matéria acadêmica e é constituído:

  1. Pelo Diretor Geral, seu Presidente;
  2. Pelo Diretor Acadêmico;
  3. Pelo Diretor Administrativo;
  4. Pelo Secretário Acadêmico;
  5. Pelas Coordenações de Cursos de Graduação e Pós-Graduação;
  6. Pelo Coordenador do Núcleo Pedagógico;
  7. Pelo Coordenador do Núcleo de Pesquisa e Extensão – NUPEX;
  8. Pelo Coordenador da CPA;
  9. Por 2 (dois) representantes do corpo docente;
  10. Por 2 (dois) representantes do corpo discentes.

São atribuições básicas do Conselho Superior, sem prejuízo de outras definidas em regimento próprio:

  1. Formular, propor, acompanhar e avaliar a Política Institucional de Graduação, Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão, a partir da Política Institucional;
  2. Contribuir para o desenvolvime nto e enriquecimento do Ensino ofertado pela FACDO, formulando, propondo, acompanhando e avaliando os planos de ações para ensino, pesquisa e extensão a partir da Política Institucional;
  3. Fomentar o estabelecimento de laços de cooperação entre a FACDO e autarquias, organizações profissionais, empresariais, culturais e outras afins;
  4. Sugerir medidas que visem ao aperfeiçoamento e desenvolvimento das atividades da FACDO, bem como opinar sobre assuntos pertinentes que lhes sejam submetidos pelo Diretor Geral.

O funcionamento e procedimentos que regem o Conselho Superior serão definidos em seu regimento interno.

A Diretoria Geral, órgão deliberativo, consultivo e executivo, tem como função praticar os atos necessários à gestão da FACDO, atuando junto às diretorias administrativa e acadêmica, bem como representar a FACDO interna e externamente e garantir a coordenação e supervisão de suas atividades.

São atribuições da Diretoria Geral:

  1. Representar a FACDO junto às pessoas e instituições públicas ou privadas, bem como em eventos de qualquer natureza;
  2. Convocar e presidir as reuniões do Conselho Superior;
  3. Manter o Conselho Superior informado sobre as atividades da FACDO;
  4. Zelar pelo negócio da FACDO e dar cumprimento à sua missão e visão;
  5. Firmar acordos, contratos e convênios com instituições, órgãos, empresas públicas ou privadas, para a manutenção e o funcionamento de cursos superiores e de pós-graduação, atividades de pesquisa, extensão e sócio-educativas culturais;
  6. Aprovar projetos apresentados pelas diretorias, emitindo parecer sobre os aspectos de viabilidade econômica, operacionais e de gestão;
  7. Autorizar a contratação de pessoal docente e técnico-administrativo, ouvidos os respectivos órgãos;
  8. Constituir grupos de trabalho e comissões especiais para o bom cumprimento das atividades da FACDO;
  9. Movimentar ou deliberar a movimentação dos recursos financeiros da FACDO;
  10. Manter-se atualizado acerca do andamento dos planos em execução, situação financeira, perspectivas de desenvolvimento e outros assuntos relacionados com os resultados de sua gestão;
  11. Conduzir o processo de definição do valor das mensalidades, articulando com as Diretorias Acadêmica e Administrativa as informações necessárias ao processo decisório e monitorando os valores praticados pelo mercado;
  12. Fixar, em conjunto com a Diretoria Acadêmica, o número de vagas iniciais de cursos novos e alterar o número de vagas dos cursos existentes;
  13. Mediar conflitos decorrentes da gestão, prestando o voto final e decisão sobre quaisquer questões;
  14. Conferir grau, assinar diplomas, títulos e certificados, em conjunto com a Diretoria Acadêmica;
  15. Assegurar o cumprimento da grade horária e a execução dos programas acadêmicos;
  16. Zelar pela manutenção da ordem e disciplina no âmbito da FACDO.

O Diretor Geral é nomeado pela Entidade Mantenedora, nos termos do seu regimento interno.

A Diretoria Acadêmica tem como função dirigir as atividades acadêmicas da FACDO, planejando e controlando a execução dos trabalhos e avaliando os resultados dos órgãos que compõem a estrutura acadêmica da IES.

São atribuições do Diretor Acadêmico:

  1. Dirigir a elaboração da programação acadêmica, submetê-la à aprovação da Diretoria Geral e acompanhar, controlar e avaliar a sua aplicação, visando garantir a qualidade do ensino ofertado pela FACDO;
  2. Assegurar o cumprimento da grade horária e a execução dos programas acadêmicos;
  3. Estabelecer e acompanhar a execução das políticas e diretrizes para o desenvolvimento da pesquisa, extensão e pós-graduação;
  4. Manter, em conjunto com as coordenações de cursos, os Projetos Pedagógicos dos cursos atualizados, consoantes com as diretrizes curriculares nacionais, com o Projeto Pedagógico Institucional e com a missão da FACDO;
  5. Acompanhar, controlar e avaliar as rotinas relacionadas aos registros e controles das atividades acadêmicas da FACDO, compreendidos pelos processos de seleção e matrícula, dos assentamentos acadêmicos oficiais e da expedição de declarações, certidões, certificados e diplomas, assegurando que os processos sejam executados dentro das normas legais e das políticas e diretrizes estabelecidas pela faculdade;
  6. Dirigir as atividades do NUPEX, NUPED e da CPA, acompanhando e controlando a execução dos trabalhos e avaliando os resultados, visando assegurar a qualidade e conformidade do ensino ofertado pela FACDO, aos padrões estabelecidos internamente, pela concorrência e pelo MEC;
  7. Acompanhar, controlar e avaliar as atividades da Biblioteca, a fim de garantir o fornecimento de material de informação, estudo, pesquisa e extensão ao corpo docente e discente da FACDO;
  8. Fixar em conjunto com a Diretoria Geral, o número de vagas iniciais de cursos novos e alterar o número de vagas dos cursos existentes;
  9. Conferir grau, assinar diplomas, títulos e certificados, em substituição ao Diretor Geral;
  10. Zelar pela manutenção da ordem e disciplina no âmbito da FACDO.

A Diretoria Administrativa tem como função gerenciar as atividades administrativas da FACDO, planejando e controlando a execução dos trabalhos e avaliando os resultados dos setores: financeiro, contabilidade, recursos humanos, apoio administrativo e tecnologia da informação.

São atribuições da Diretoria Administrativa:

  1. Gerenciar as atividades relacionadas à gestão financeira e contábil da FACDO, compreendidas pelos programas de financiamento estudantil, sustentabilidade financeira e patrimonial da IES;
  2. Gerenciar as atividades relacionadas aos recursos humanos da FACDO, compreendidas pelos subsistemas de recrutamento e seleção, administração de pessoal, treinamento e desenvolvimento e medicina e segurança do trabalho, visando criar as condições para que a faculdade possa recrutar, desenvolver, treinar e motivar os recursos humanos necessários ao seu desenvolvimento e crescimento;
  3. Gerenciar as atividades relacionadas ao apoio e suporte administrativo necessário à consecução dos objetivos da FACDO, compreendidas pelas áreas de Reprografia (serviços de fotocópias), Suprimentos (compras, armazenamento e expedição) e Serviços Gerais (recepção e telefonia, limpeza e conservação, serviços de copa, manutenção predial e apoio e suporte de recursos didáticos);
  4. Gerenciar as atividades relacionadas à tecnologia da informação (software e hardware), objetivando atender as necessidades da FACDO em termos de serviços e sistemas de computação, dentro de padrões adequados de qualidade, eficiência e segurança;
  5. Prestar apoio à Diretoria Geral e Acadêmica, participando do planejamento e da execução de projetos ou atividades pontuais que demandem conhecimentos especializados ou específicos de sua área de atuação;
  6. Elaborar o plano de atividades das áreas sob sua subordinação, baseando-se nos objetivos a serem alcançados e disponibilidade dos recursos humanos e materiais para definir prioridades;
  7. Estabelecer normas e procedimentos a serem seguidos, assegurando o fluxo normal dos trabalhos e resultados previstos;
  8. Desenvolver ações de melhoria contínua da qualidade na FACDO;
  9. Manter sistemática apropriada para assegurar a coleta, o armazenamento e a atualização das bases de informações, de forma a propiciar análises, avaliações e relatórios sobre as atividades da diretoria.

Os Colegiados de Cursos tem função consultiva, de assessoramento e deliberativa do coordenador do curso com relação as matérias e projetos pertinentes ao curso.

São atribuições dos Colegiados de Cursos:

  1. Propor as normas e procedimentos que regulamentam o funcionamento do respectivo curso, as quais deverão ser homologadas pelo Conselho Superior;
  2. Adequar os objetivos gerais e específicos de cada curso em conformidade com o PDI, PPI, Regimento e legislação, fixando as diretrizes de seu programa pedagógico para homologação pelo Conselho Superior da FACDO;
  3. Acompanhar o desenvolvimento do respectivo curso visando garantir a adequada aplicação do projeto pedagógico;
  4. Definir junto à Coordenação de Desenvolvimento e Avaliação, em parceria com o NUPED e NUPEX, a necessidade de realização de programas e de períodos especiais de estudos de interesse do curso;
  5. Examinar, decidindo em primeira instância, as questões acadêmicas suscitadas pelo corpo discente e docente, cabendo recurso da decisão ao Conselho Superior.

As Coordenações dos Cursos de Graduação e de Pós-Graduação têm como função planejar e estruturar os cursos, acompanhar a sua execução e representá-los interna e externamente, contemplando as especificidades de cada curso.

São atribuições gerais das Coordenações dos Cursos de Graduação e Pós-Graduação:

  1. Representar o curso junto às autoridades e órgãos da FACDO;
  2. Convocar e presidir reuniões;
  3. Orientar, supervisionar e fiscalizar a execução de atividades programadas, bem como a assiduidade dos professores, zelando pela qualidade do ensino e aprendizagem;
  4. Apresentar, semestralmente ou quando solicitado, à Diretoria Acadêmica e Administrativa, planos e relatórios das atividades inerentes à função;
  5. Sugerir contratação ou dispensa de pessoal docente e técnico administrativo, mediante consulta à Diretoria Acadêmica e Administrativa;
  6. Exercer as demais atribuições que lhe sejam previstas em lei e neste Regimento;
  7. Atribuir e distribuir ao corpo docente as tarefas de ensino, pesquisa e extensão;
  8. Sugerir quaisquer medidas que objetivem a melhor atuação do Curso;
  9. Dar pareceres a respeito de assuntos de sua competência, que lhe sejam solicitados pelos órgãos superiores;
  10. Aprovar os programas e Planos de Curso das disciplinas dos cursos;
  11. Pronunciar-se sobre aproveitamento e adaptações de estudos de alunos transferidos e diplomados;
  12. Fomentar e coordenar o programa de monitoria;
  13. Valer-se dos órgãos suplementares para melhor desenvolvimento das atividades do curso;
  14. Promover ações de estímulo, apoio, atualização e aperfeiçoamento do corpo docente no campo didático-pedagógico;
  15. Preparar o programa do curso, a matriz curricular e indicar seus professores, considerando os requisitos de titulação e experiência profissional, nos prazos estipulados pela Diretoria Acadêmica;
  16. Fomentar a participação da comunidade acadêmica, no processo de avaliação do curso e da IES, subsidiando a Comissão Própria de Avaliação (CPA);
  17. Acompanhar a fiel execução do regimento acadêmico, especialmente a observância dos horários, dos programas das disciplinas e das atividades desenvolvidas pelos professores e alunos;
  18. Coordenar as atividades de recepção dos novos alunos, bem como sua inserção no meio acadêmico;
  19. Manter o Projeto Pedagógico do Curso atualizado, consoante com as diretrizes curriculares nacionais, com o Projeto de Desenvolvimento Institucional (PDI), Projeto Pedagógico Institucional (PPI) e com a missão da FACDO;
  20. Acompanhar, orientar e coordenar, junto à Coordenação do Trabalho de Conclusão de Curso, os processos inerentes à atividade;
  21. Exercer a coordenação da matrícula no âmbito do curso em articulação com a Secretaria Acadêmica.

As atribuições específicas de cada coordenação estão definidas nos seus respectivos Projetos Pedagógicos e Atos Normativos.

A Secretaria Acadêmica tem como função coordenar as atividades de registros e controles das atividades acadêmicas da FACDO, compreendendo os processos de seleção e matrícula, dos assentamentos acadêmicos oficiais e a expedição de certificados e diplomas, dentro das normas legais e das políticas e diretrizes estabelecidas pela faculdade.

São atribuições básicas da Secretaria Acadêmica:

  1. Planejar, organizar e executar o processo seletivo (vestibular) para ingresso nos cursos de graduação e pós-graduação;
  2. Coordenar as atividades administrativas referentes a matrículas, registro de notas e freqüências e atuar informando, divulgando e prestando atendimento aos alunos nos requerimentos diversos de natureza acadêmica;
  3. Manter sob sua guarda todos os fatos e documentos dos alunos de graduação e pós-graduação, desde o processo seletivo até a integralização dos cursos, de forma a permitir, em qualquer época, a verificação da regularidade da vida acadêmica do aluno;
  4. Manter os arquivos acadêmicos atualizados;
  5. Operacionalizar as atividades de convênios de incentivo à educação dos governos municipal, estadual e federal;
  6. Proceder a análise final da documentação dos concluintes para a expedição e registro dos diplomas.

A Biblioteca tem como função apoiar as ações acadêmicas da FACDO, fornecendo material de informação, estudo, pesquisa e extensão ao corpo docente, discente, técnico-científico e administrativo, bem como prestar assistência e orientação na busca de informação.

Cabe à Direção Geral e Administrativa definir política de atualização, expansão e manutenção do acervo, conforme requisitos legais.

São atribuições básicas da Biblioteca:

  1. Organizar e preservar o acervo necessário ao complemento e fundamentação educacional dos cursos e demais atividades da FACDO;
  2. Proporcionar serviços de acesso à informação relevante ao corpo docente, discente, técnico-científico e administrativo da FACDO, colaborando com o desenvolvimento das atividades de ensino, pesquisa, extensão e administração universitária;
  3. Otimizar e fomentar o acesso e o uso do acervo aos seus usuários e à comunidade;
  4. Desenvolver nos usuários hábitos de estudo e manuseio do acervo;
  5. Promover programas de capacitação aos usuários para apresentação e melhor utilização dos recursos existentes na biblioteca;
  6. Estimular a investigação científica e cultural;
  7. Promover a inserção social, desenvolvendo o atendimento ao público externo, levando informação, cultura e conhecimento para fora do espaço acadêmico;
  8. Promover a Biblioteca da FACDO e os serviços oferecidos por meio de divulgação, visitas orientadas e atividades sócio-culturais;
  9. Atuar de maneira integrada aos cursos oferecidos pela FACDO;
  10. Zelar e conservar o acervo em perfeitas condições de utilização;
  11. Fomentar a constante atualização do acervo.

A FACDO, para o cumprimento de seus objetivos didáticos pedagógicos, manterá os seguintes órgãos suplementares:

  1. Núcleo de Pesquisa e Extensão – NUPEX;
  2. Núcleo Pedagógico – NUPED;
  3. Núcleo de Atendimento aos Discentes – NUAD;
  4. Núcleo de Atividades Complementares – NUAC;
  5. Coordenação de Trabalho de Conclusão de Curso;
  6. Ouvidoria;
  7. Tecnologia da Informação;
  8. Comissão Própria de Avaliação – CPA;
  9. Reprografia;
  10. Assessoria de comunicação – ASCOM.

Parágrafo Único. Os órgãos suplementares, respeitadas as disposições deste Regimento, serão regidos por regulamentos próprios aprovados pelo Conselho Superior.

Art. 22. Os órgãos suplementares, criados pela FACDO, integram sua organização acadêmico-administrativa e destinam-se à:

  1. Assistência pedagógica, cultural e técnica;
  2. Prestação de serviços à FACDO e à sociedade.